[Entrevista] Autora Joyce Santana

segunda-feira, março 27, 2017 2 Comentários A+ a-


Olá geeks, tudo bem com vocês?

Hoje venho lhes trazer uma entrevista que realizei com a autora Joyce Santana, que publicou o livro O Mais Profundo dos Oceanos pela Editora Arwen. Desta vez decidi fazer uma entrevista mais dinâmica com ela do que apenas perguntas e respostas. Espero que gostem deste formato.

Venha ver!


Título: O mais profundo so oceanos
Autor: Joyce Santana
Gênero: Aventura / Mitológica
Editora: Arwen
Ano: 2016
Páginas: 167
Sinopse: Daniela cresceu longe da mãe, sendo criada apenas pelo pai, um homem que procurava suprir a ausência com presentes caros e viagens. Cansada de tudo isso, decide assumir as rédeas de sua vida e, nesse processo, conhece Thálasso.
Thálasso é um amigo sem igual, um jovem com o poder de acalmá-la, fazendo as coisas parecerem muito mais fáceis do que ela sequer poderia imaginar antes dele. Porém, até que ponto esse sentimento é apenas amizade? Daniela prefere arriscar descobrir a resposta para essa pergunta e assim parte para a Grécia com Thálasso, em uma viagem cheia de beleza, romance e mistérios que vai mudar toda a sua vida.

ENTREVISTA

Olá Joyce, tudo bem? Conte um pouco sobre você, como começou o seu processo de escrita?

Eu sempre gostei muito de ler. Não sei você, mas conforme eu ia lendo, eu ficava criando fins para os personagens e esse tipo de coisa. Com o tempo, entrei para o teatro, e algumas vezes me pediram para fazer pequenas esquetes. E tomei gosto por escrever. Comecei a escrever no meu PC, mas nunca achei bom o bastante para publicar. Até que em 2015, numa noites de insônia, comecei ac escrever no bolicho de notas do celular... E daí saiu o livro


Se eu eu bolo finais diferentes? As vezes tenho que pausar o livro só pra pensar no que poderia resultar em um final alternativo (risos). O bloquinho de notas me ajuda também, considera isso como uma dica para os autores iniciantes?

Ah sim. Eu sou meio tradicional. Gosto muito de escrever no caderno e depois digito no PC, mas nem sempre posso carregar meu caderno pra cima e pra baixo. Então, quando você está esperando na fila do banco, no médico, dentro do ônibus... E surge aquela inspiração, é sempre bom ter onde anotar. Pode ser uma frase, uma ideia de personagem, qualquer coisa. Você pode até achar que não vale nada (risos), mas depois você debruça sobre a ideia e lapida tudo.


No meu caso carrego um bloquinho. Eu tinha muitos bloqueios e com ele consegui superá-los. Mas me diga, o que podemos esperar do seu livro?

Romance, aventura, muitas reviravoltas... Possuo uma escrita direta e objetiva, não sou fã de muita enrolação, então tem muita ação durante a história. A editora classifica como romance/aventura mitológica... aí vai uma dica rsrs



Acredito que temos outro ponto em comum: odeio enrolação. Assim meu texto também é direto. Posso ver que os leitores irão quase ter um ataque cardíaco a cada página do seu livro (risos). De onde veio a ideia para a história? 

Bom, quando comecei a escrever no celular, queria só passar o tempo, esperar o sono chegar; mas no dia seguinte, lendo tudo o que tinha feito e entregando parta meu marido (Everton) avaliar, achei que daria uma boa história se continuasse. Arrumei direitinho e aquilo virou o prólogo do livro. A partir daí, fiquei penando em como poderia transformar em uma história de verdade. Ao mesmo tempo, Daniela é uma garota comum, com problemas comuns, queria algo que eu gostasse não queria um romance comum, queria algo além da realidade, meio fantasiosa. A de falar e que poderia ser assustador para alguém comum. Então decidi que além do romance, eu partiria para o mundo mitológico.


Quais foram os maiores problemas que enfrentou para publicar o livro?

Nossa... tantos (risos). Bom, depois que comecei a trabalhar em período integral, deixei de ler por um tempo. Me distanciei desse mundo e, consequentemente, deixei de escrever. Quando finalizei O Mais Profundo dos Oceanos, depois que li e reli e entreguei para alguns betas lerem, percebi que seria uma boa publicá-lo, era um livro que valia a pena. Mas conforme eu tinha deixado esse mundo de lado, eu estava completamente perdida. Não conhecia editora, não sabia se realmente alguém me aceitaria, não sabia se teria dinheiro pra bancar. Mas tive dois momentos muito tensos: a confecção da capa, que demorou meses (mas isso não posso reclamar, pois ficou linda, graças à Marina Avila) e depois a gráfica entregou os livros com o verniz craquelando.. aiai... atrasou a entrega aos compradores, todos me cobrando... mas ufa.. parece agora já resolveu tudo.


Foram mesmo muitos problemas, mas você se arrepende de ter publicado? Ou irá seguir a carreira de escritora?

Arrependimento? De jeito nenhum! Quando você segura seu livro finalizado nas mãos, a sensação é indescritível. Talvez seja a mesma sensação de segurar um filho pela primeira vez. Pretendo continuar escrevendo, já tenho vários projetos, mas no momento estou finalizando o final da história de Daniela e Thálasso, meu foco é esse.


Pode falar um pouco sobre seus futuros projetos? Fiquei curiosa hehehe Aliás, quando sai a continuação do livro?

O livro 2, termino antes do fim do semestre, mas publicá-lo só o ano que vem. Eu procuro ser muito versátil. Não quero ficar conhecida por escrever apenas um tipo de história. Não sei se isso é bom ou ruim. Talvez corro o risco de ser taxada como uma escritora sem personalidade, sem característica... sei lá. Mas quero ser surpreendente. Por exemplo, amo Dan Brown, mas a gente sabe exatamente o que esperar dele. Com isso, meus projetos são bem diversificados. Tenho uma amiga (Silvana Valério) que me disse que seria uma boa se eu arriscasse em romance hot, nunca me atraiu esse gênero, mas decidi arriscar. Estou pensando em outro mais sobrenatural também. E um romance entre um casal beeem problemático. Já tenho até alguma linhas desses escritas já. Quando acabar a continuação de OMPDO, vou focar no romance hot... quem sabe sai algo legal.


Adoro romances Hot! É interessante se inovar e não acho que é algo sem personalidade, mas algo pessoal e único. A entrevista está chegando ao fim, agradeço pelo tempo e por se disponibilizar a responder minhas perguntas. Tem algo a dizer aos leitores do blog Cantinho Geek?

Quero agradecer ao espaço cedido. E aos leitores do Cantinho Geek, quero pedir que ajudem uma escritora iniciante e adquirem meu livro pela loja virtual da Arwen. E não somente a mim, procurem autores nacionais - iniciantes ou não - vamos valorizar o que é nosso. Existem muitas histórias boas made in Brazil e uma dica: pelas capas de um livro chamado Porcelana de uma tal de Géssica Marques, essa história promete muito rsrsrs. Mas é isso. Obrigada a todos e logo logo a gente divulga a data da sessão de autógrafos em Sampa. Abraços!! 



Meus queridos leitores do blog, a entrevista acabou, mas convido-os a irem ao evento de lançamento do livro O Mais Profundo dos Oceanos da Joyce Santana. O mesmo ocorrerá no domingo, dia 30/04 às 15:30h na Livraria Martins Fontes (Avenida paulista, 509).

Espero que tenham gostado a entrevista tanto quanto eu gostei de fazê-la.

Até o próximo post!

Tenho 21 anos, sagitariana e apaixonada por livros. Atualmente estou cursando Design Gráfico na UFG. Meus Hobbies são escrever, ler, ver Doramas, animes, filmes e séries. Gosto muito de filmes e séries de terror, mas em questão de livros e mangás eu prefiro os de romances. Em 2016 publiquei meu conto "Lilith - A Princesa das Trevas" na antologia Demontale e fechei contrato com a Young Editorial para publicar o meu livro "Porcelana: Rubrum Luna"

O animal que me representa é o lobo.




2 comentários

Escreva um comentários
Regiane Ferreira
EQUIPE GEEK
28 março, 2017 Deletar

Muito legal a entrevista, parabéns !! A história de deixa qualquer um curioso, que ela consiga publicar o 2 logo, beijos.

http://regianeferreirablog.blogspot.com.br/

Responder
avatar
Géssica Marques
EQUIPE GEEK
28 março, 2017 Deletar

Oi Regiane,
Nossa eu estou muito curiosa para ler o livro.
Vamos torcer por ela!

Responder
avatar

Não esqueça de deixar o seu comentário! Pode não parecer, mas um blogueiro vive de comentários e sugestões, faça a sua parte e deixe esta blogueira feliz!

Dicas:
- Deixe o link do seu blog/site, eu sempre dou uma olhada!

Regrinhas básicas:
- Por favor não usem palavras de baixo calão.
- Comentários desrespeitosos serão excluídos.