[Resenha] A Chama da Esperança: A Princesa Renegada - M.V. Garcia

sábado, outubro 03, 2015 4 Comentários A+ a-

Edição Beta
Título: A Chama da Esperança - A Princesa Renegada
Autora: M.V. Garcia
Lançamento em Janeiro de 2016 pela Editora Arwen
Volume: 01/02
Sinopse: Quando a jovem feiticeira Kaira vê seu vilarejo em chamas, ela não imagina o que mais está por vir. Junto de seus amigos, tem uma missão de suma importância: reunir os cinco clãs feiticeiros em busca de um exército poderoso o bastante para deter o avanço das tropas do reino de Willford.
Olá geeks, tudo bem com vocês? 

Hoje finalmente estou trazendo a resenha do livro que recebi em parceria com a autora M.V. Garcia. Como vocês podem ver na ficha técnica o livro não foi lançado, esta é apenas a versão beta e o lançamento será em Janeiro de 2016.

Eu já havia anunciado a parceria aqui no blog, e também fiz uma enrevista com a autora. Vocês podem conferir aqui.


A Chama da Esperança foi dividido em duas partes, o primeiro sendo A Princesa Renegada, e o segundo que conclui a trama eu ainda não tenho o nome e mesmo que tivesse eu ainda não poderia lhes passar ele ainda.

Essa versão beta que recebi tem 396 páginas dividas em 36 capítulos, cada um com um nome.


No começo do livro logo somos inseridos ao mundo de Yuan. E este mundo não é comum, nele existem monstros, humanos e feiticeiros. Confesso que a distribuição dos poderes de cada clã de feiticeiros me lembrou muito o desenho/anime Avatar - A lenda de Aang/Korra

Já que os poderes são divididos entre fogo, água, terra, ar e trovão. Sendo que se você nasceu como um feiticeiro do fogo essa será a sua única magia, não poderá usar água, terra, ar ou trovão, apenas magias de curas e outras coisas. Mas a semelhança só fica por aí! Este aqui é um mundo totalmente novo e fantástico!


O mundo de Yuan me lembrou muito a nossa realidade com preconceitos e pude ver claramente a natureza egoísta de nós tanto nos feiticeiros como nos humanos da história.

É bem simples: os humanos odeiam os feiticeiros, e os feiticeiros odeiam os humanos. Porque? Porque eles não aceitam as diferenças. Os humanos chamam os feiticeiros de aberrações, monstros que nunca deveriam ter existido e que deveriam ser extintos. Sendo assim, há sempre conflitos entre humanos e feiticeiros. E os feiticeiros odeiam os humanos por isso, por serem arrogantes e egoístas, claro que tem alguns feiticeiros que os odeiam apenas pelo fato de serem humanos.


O que vou falar agora não é spoiler, já que está no comecinho do livro. Já no início temos uma perseguição. A rainha, Rosaria Seres, está fugindo junto de seu bebê. Ela morre ao tentar proteger sua filha Kaira de um bando de feiticeiros terroristas, os Falcões Negros. São eles que estão por trás da guerra que está havendo entre os humanos e feiticeiros.

Rosaria consegue selá-los, e por quinze anos houve paz no reino de Willford e na República. Willford é o reino dos humanos, por onde Rosaria governou por um tempo, mas foi descoberta e caçada por ser uma feiticeira. A República é assim chamada pois os clãs de feiticeiros se dividiram, a capital dos feiticeiros de fogo de chama Flameira, a dos feiticeiros de Água agora é Prime d' Acqua, os de terra fundaram Rockaxe, e os de trovão fundaram Alumínia, mas ninguém sabe do paradeiro dos feiticeiros de ar.


Apesar de estarem em paz, os clãs não se falam. Cada um tem preconceito com os outros, eles enxergam apenas o próprio umbigo e defendem apenas os deles.

Acontece que essa "paz" dura pouco. O selo é quebrado e os Falcões Negros estão de volta. São eles que fazem ataques para culpar os feiticeiros e assim os humanos se vingarem. E assim a guerra estoura novamente, mas desta vez eles estão atrás de Karia e a sua pedra, A chama da esperança, um artefato raro que Rosaria usou para selá-los. Eles querem a pedra para evitar que o acontecimento de quinze anos atrás se repita, e para isso eles não medem esforços. Nem que tenham que matar todos os humanos e feiticeiros.


Kaira foi adotada por Sahir, um senhor que cuidara de sua mãe e a irmã dela Adill, mas ela desconhece completamente este fato. Ela não sabe que é a princesa do reino de Willford, muito menos que sua mãe morrera por causa dos Falcões Negros.

O seu vilarejo, Kisha, é atacado por humanos e o seu avô, Sahir que é assim que o chamava, morreu na sua frente. Ela e Garo, um amigo de infância vão buscar abrigo em Flameria, a capital do fogo. E é onde tudo vem à tona.

A guerra está batendo na porta, e Adill se vê obrigada em revelar a verdade. E Kaira agora tem a missão de unir os clãs da Republica para combater o exército de Willford que os está massacrando.


Em meio a sua aventura Kaira encontra personagens incríveis dos quais me apaixonei muito! Eles são: Christine, Joseph, Ryuka, e vários outros. Todos os personagens são únicos e me encantei com cada um deles. Sem falar que o preconceito e a desigualdade aqui é tratado como um tema sério, já que por causa desses preconceitos eles são todos desunidos e isso causa consequências.

A única coisa que realmente me incomodou foi o fato de Kaira estar obcecada pela vingança contra o homem que matou o seu avô. Era de certa forma desconfortante, pois vingança é errado e seus amigos sabem disso e tentam alertá-la o tempo todo. Claro que isso não é um fato negativo, é algo a mais, mostra que a personagem vai mudando aos poucos e me peguei com medo de que ela mudasse demais, que fizesse algo que tempos antes não faria. E essa é a sacada da autora, ela prende o leitor do início ao fim, fazendo você querer saber mais e mais.


Sobre a diagramação e revisão eu não tenho o que dizer, já que este livro é a versão beta. Tudo aqui foi feita pelas mãos da autora. Sendo assim, é comum encontrar erros.

Como o livro não foi revisado pela editora eu me surpreendi com o tão pouco números de erros. São bem poucos, mas há. Apesar disso não são erros grotescos o que não incomoda nenhum pouco a leitura. Parabéns a autora pela escrita!

E gente! Que final foi esse! Foi aquele típico final arrebatador que já te deixa viciado pelo próximo. Eu necessito saber como isso irá acabar.

Realmente a história foi muito bem desenvolvida. Em momento algum eu me peguei falando "Ah, que chato", pelo contrário, era surpresas atrás de surpresas. Cada palavra, cada parágrafo aqui foi necessário para o entendimento melhor da história. Não teve nenhuma parte em que eu pensei que era apenas encheção de linguiça, pois querendo ou não, há autores que fazem isso. E me maravilhei ao não encontrar nada disso aqui. É tudo muito direto, e as explicações realmente são necessárias.


Muito bom! Super recomendo! Para quem quiser ler, o livro ainda está disponível para leitura pelo Widbook, vocês podem lê-lo aqui. Mas se quiser pode esperar pelo lançamento do livro oficial com nova capa, diagramação e revisão em Janeiro do ano que vem!

Estou muito ansiosa pelo lançamento deste livro. A Editora Arwen faz um trabalho excelente e imagino que a edição oficial irá ficar maravilhosa!! 

E você? Já conhecia A chama da Esperança? Tenho certeza que você irá amar!

Avaliação:

Tenho 21 anos, sagitariana e apaixonada por livros. Atualmente estou cursando Design Gráfico na UFG. Meus Hobbies são escrever, ler, ver Doramas, animes, filmes e séries. Gosto muito de filmes e séries de terror, mas em questão de livros e mangás eu prefiro os de romances. Em 2016 publiquei meu conto "Lilith - A Princesa das Trevas" na antologia Demontale e fechei contrato com a Young Editorial para publicar o meu livro "Porcelana: Rubrum Luna"

O animal que me representa é o lobo.




4 comentários

Escreva um comentários
Hidaru Mei
EQUIPE GEEK
03 outubro, 2015 Deletar

Eu ameeeeeei!!! <3 <3 E fico são lisonjeada que você tenha gostado tanto! Nem tenho como agradecer por todo o seu apoio e atenção! Muito obrigada!!!

Responder
avatar
Géssica Marques
EQUIPE GEEK
03 outubro, 2015 Deletar

Que bom que gostou! *o*
Realmente seu livro superou minhas expectativas! Muito bom!
E sou quem deve lhe agradecer!
Beijinhos!

Responder
avatar
L. L. Alves
EQUIPE GEEK
03 outubro, 2015 Deletar

Gente, que post completo e bem detalhado! Adorei! Parabéns pela dedicação *-* Quanto ao livro, óbvio que fiquei curiosa para ler! hahaha Entendo que isso do personagem se focar demais em vingança pode ser um pouco cansativo, mas ao menos mostra que a personagem está bem decidida né? E que brindes são esses, pelamor!!! Perfeitos!! *O*
Tô louca para o livro sair! Tenho certeza que vou amar ler a obra da minha amiga de editora <3 Beijos!

Responder
avatar
Géssica Marques
EQUIPE GEEK
04 outubro, 2015 Deletar

Oie!
Ai que bom que gostou *o*
Na verdade não era tão cansativo, eu só fiquei com medo de ela se tornar outra pessoa. Mas mesmo assim continua muito bom! Amei!
Os brindes são tão fooofos!
Também estou louca para ver a versão oficial!
Beijinhos!

Responder
avatar

Não esqueça de deixar o seu comentário! Pode não parecer, mas um blogueiro vive de comentários e sugestões, faça a sua parte e deixe esta blogueira feliz!

Dicas:
- Deixe o link do seu blog/site, eu sempre dou uma olhada!

Regrinhas básicas:
- Por favor não usem palavras de baixo calão.
- Comentários desrespeitosos serão excluídos.