Review: Freezing

terça-feira, março 10, 2015 2 Comentários A+ a-



Oi gente! Hoje estou trazendo um review do mangá/anime Freezing. Irei falar mais do mangá, pois é o que acompanho. O anime eu vi, mas não é 100% fiel ao mangá. Antes de começar irei deixar a ficha técnica de Freezing.

Nome: Freezing
Tipo: Mangá
Status: Ativo
Autor: Im Dal Young
Desenho (Art): Kim Kwang Hyun
Categoria(s): Ação, Drama, Ecchi, Escolar, Ficção, Romance, Seinen, Sobrenatural
Ano: 2007
Modo de Leitura: Direita para Esquerda
Editora que publica no Brasil: JBC

Sinopse: Seres de outra dimensão iniciaram uma guerra contra a humanidade. Para combater esta ameaça foi criada uma academia chamada “Genetics” para treinar guerreiras humanas (Pandora) para serem aptas a usar armas e armaduras especiais. Kazuya Aoi decidiu se matricular nesta escola por causa de uma promessa com sua irmã, uma notável aluna que morreu em batalha. Lá, ele encontra Satellizer El. Bridget, apelidada de “A Rainha Intocável” (devido sua atitude solitária dentro da academia) que possuía um histórico de simulação da batalha invicto antes da chegada de Kazuya Aoi.... apos alguns incidentes a atitude de Satellizer começa a mudar.


Como está descrito na sinopse as pandoras lutam contra uma raça alienígena, os Nova. As pandoras são somente mulheres compatíveis com os estigmatas, uma tecnologia feita a partir da descoberta dos Nova. Mas elas não lutam sozinhas, elas possuem os seus parceiros, os limiters. 

A parceria funciona basicamente assim. A pandora e seu limiter faz um batismo. E este é um juramento, e geralmente estes parceiros tem sentimentos uns pelos outros, ou não. Mas geralmente sim. Os Nova tem um poder chamado freezing, que é um poder que basicamente impede que qualquer um se mova. E então vem a tarefa do Limiter. Ele usa também um freezing, que é basicamente um anti-freezing, pois permite que a pandora se mova.

A história é totalmente original e muito interessante. Atualmente o mangá conta com 24 volumes sendo lançado aqui no Brasil pela JBC por R$ 12,90. Eu possuo alguns volumes, mas infelizmente, ainda não tenho a coleção completa. Estou aceitando doações, tá? Hehehe.

Continuando, Satellizer El Bridget, a Rainha Intocável, é "tocada" por Kazuya, que por um instante pensa que ela é a sua irmã e a abraça, e nisso ele acaba fazendo com que ela perca a batalha. Os dois vão se relacionando, e ele quer ser o Limiter da Satella, mas ela tem vergonha de realizar o batismo, que pelo que eu entendi se dá por uma relação íntima entre os dois.

Satella tem um passado conturbado, cheio de sofrimento e abusos por parte do irmão. E aos poucos você irá entender melhor o por que de sua personalidade. Ela se passa de durona, mas na verdade essa sua face é para proteger o seu eu frágil.

Com o passar dos volumes você vai descobrindo personagens novos e cativantes, e além de uma total mudança por parte da Satella. Ela passa a ter mais convivência com outras pessoas, é uma personagem muito bem trabalhada, além de ser linda.

Esta é a Satellizer El Bridget
Como Kazuya e Satella não fazem o batismo oficialmente, outra garota entra em jogo. A Lana Linchen. Ela conversa de forma estranha e é bem engraçada, causando ciúmes na nossa loirinha. Kazuya obviamente já tem em sua mente a mulher de sua importância, mesmo que Lana queira ele como parceiro. Então fica este trio, com Kazuya sendo o limiter das duas, ou melhor, mais da Satella do que da Lana, pois ele está sempre com a nossa protagonista.

Segredos dos Nova irão aparecendo. O porque de eles estarem querendo aniquilar a humanidade. Tudo está nas mão do doutor Gengo Aoi, avô do Kazuya. As pandoras e outras coisas foi tudo criação dele. E ele sabe qual é o destino da humanidade, e tenta lutar contra isso.

Satella é filha bastarda da família El Bridget. Uma das famílias milionárias do japão, mas ela não tem tanto contato assim com a sua família, afinal, ela é uma pandora.

O mangá é muito bem feito, além de que você consegue sentir os sentimentos das personagens e a cada página você irá querer ler mais e mais. Irá querer saber o final desta trama, mas a cada novo arco, um novo inimigo e uma nova surpresa aparece.

Mangá recomendadíssimo, mas já vou avisando, ele é +18. Até agora eu não vi nenhuma cena de sexo, mas mostra as mulheres peladas e sem nenhum pudor. O Ecchi (cenas sensuais) aqui predomina, principalmente no anime. E se for assistir já vou lhe avisando, que seja longe dos seus pais, ou eles verão muitos peitos, pois se um cara esbarra na roupa dela, essa roupa rasga mostrando os seios dela. E digo, você verá muios peitos. 

Claro que no mangá não tem esse exagero todo, mas mostra. E as vezes tem até algumas cenas meio fortinhas, então, considere-se avisado.

Irei deixar algumas imagens para vocês conhecerem Kazuya Aoi, os Novas e a Lana. E também o botão de Encontre Aqui com o link do mangá para comprar, além de um local para que possam baixar.

Lembrando que eu não apoio a pirataria, se leu e gostou, compre-o. Eu sei que não é todo mundo que tem condições de comprar, mas se tiver uma graninha sobrando, adquira o mangá por que vale a pena! Palavra de leitora fiel de Freezing! 

  


Este é um Nova

Eu gosto mais dos traços do mangá do que do anime.

Lana vs Satella

Lana Linchen

Kazuya e Satella. Os traços do mangá são muito mais lindos, né?

Cotação:




Capa do Volume 01


Tenho 21 anos, sagitariana e apaixonada por livros. Atualmente estou cursando Design Gráfico na UFG. Meus Hobbies são escrever, ler, ver Doramas, animes, filmes e séries. Gosto muito de filmes e séries de terror, mas em questão de livros e mangás eu prefiro os de romances. Em 2016 publiquei meu conto "Lilith - A Princesa das Trevas" na antologia Demontale e fechei contrato com a Young Editorial para publicar o meu livro "Porcelana: Rubrum Luna"

O animal que me representa é o lobo.




2 comentários

Escreva um comentários
Matheus Braga
EQUIPE GEEK
15 março, 2015 Deletar

Olá, tudo bem?

Confesso que só vi o anime e não tive interesse de ler o mangá. Também achei a história bem original, mas não curto muito quando os autores apelam muito para o porte físico das personagens para chamar atenção do público masculino, sabe? Pq não faz isso com uma história tão bacana e vai prender a atenção de qualquer jeito? Enfim, talvez um dia eu anime de ler o mangá, mas por agora é impossível pois já estou acompanhando mais de 30 HAHAHA

Abraços,
Matheus Braga
Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

Responder
avatar
Géssica Marques
EQUIPE GEEK
15 março, 2015 Deletar

Olá Matheus, to bem sim!
Infelizmente no anime eles fazem essa apelação mesmo, mas no mangá como ele é +18 eu posso até entender, e também não tem esses exageros encontrados no anime. Compensa muito ler, eu acompanho sempre e amo a história!!

Abraços!

Responder
avatar

Não esqueça de deixar o seu comentário! Pode não parecer, mas um blogueiro vive de comentários e sugestões, faça a sua parte e deixe esta blogueira feliz!

Dicas:
- Deixe o link do seu blog/site, eu sempre dou uma olhada!

Regrinhas básicas:
- Por favor não usem palavras de baixo calão.
- Comentários desrespeitosos serão excluídos.